Revolve usado supostamente em suicídio de Van Gogh é vendido por 162,5

Foto: FRANCOIS GUILLOT / AFP

Nesta quarta-feira (19), o revolver conhecido como “o mais famoso da história” por teoricamente ter sido usada no suicídio do pintor Van Gogh, foi comprada por 162 mil euros em um leilão promovido pela AuctionArt-Rémy, no Hôtel Drouot, em Paris. O comprador da relíquia foi um colecionador particular, que fez a oferta pelo telefone e não teve sua identidade revelada.

Vincent Van Gogh supostamente se suicidou em 27 de julho de 1890, com o revólver Lefaucheux de calibre 7mm. Mas a própria casa de leilões admite que sua autenticidade não pode ser absolutamente estabelecida, apenas o local no qual a arma foi encontrada pode ser confirmado, um vilarejo ao norte de Paris, num campo perto de  Auvers-sur-Oise, onde o pintor teria passado seus últimos meses de vida.

Estimado inicialmente entre 40 mil e 60 mil, a arma que foi descoberta por um agricultor por volta 1960, teve seu lance inicial de 20.000. Van Gogh teria morrido dois dias depois de ter atirado no seu peito, aos 37 anos.

Gostou da nossa matéria? Então foca ligado no nosso instagram

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: